20 de março de 2016

#12meses12coisas: 12 músicas que adoro (3)

Conseguem acreditar que já estamos no terceiro mês do desafio? Pois, eu também não. 
Como já repararam pelo título, o tema deste mês é música e música é algo que está sempre presente na minha vida (mesmo enquanto estou a estudar), portanto escolher apenas doze músicas que goste é complicado para mim. No final das contas, acabei por escolher aquelas que mais me têm vindo à cabeça ultimamente. Vamos lá ver como me safei?

I Dreamed a Dream, Anne Hathaway (Les Miserables)
     A primeira vez que ouvi esta música foi em Glee, depois vi o filme e a forma como foi interpretada pela Anne Hathaway levou-me a gostar ainda mais da música e a chorar perdidamente durante toda a performance dela (desafio-vos a verem a cena e não chorarem, é impossível!).

This Time, Lea Michele (Glee)
Mais uma vez Glee. Esta música foi escrita pelo Darren Criss (Blaine na série) para o último episódio da série e interpretada maravilhosamente pela Lea Michele. Já ouvi as duas versões (masculina e feminina) e apesar de gostar das duas, prefiro a da Lea. A razão pela qual me identifiquei tanto com ela é que, na altura em que a série acabou, o meu último ano no secundário estava a acabar também e toda a letra fala sobre como podemos seguir em frente e mudar quem somos sem não esquecermos de onde viemos e o que aprendemos até esse momento e isso foi e continua a ser bastante importante para mim.

Back to December, Taylor Swift
Escolher apenas uma música que adoro dela foi muito, mas mesmo muito difícil porque a Taylor é a minha cantora favorita. Assim, decidi que escolheria uma música do meu álbum preferido (Speak Now) em representação de todas as outras que não foram escolhidas. Porquê a Back to December? Primeiro porque gosto bastante da letra e segundo porque envolve o meu mês de aniversário e de alguma forma faz-me lembrar do Natal, do frio, da neve, etc.

I Lived, OneRepublic
     De novo, esta foi escolhida porque acho a letra absolutamente maravilhosa e lembra-me que tenho de fazer o que posso e o que não posso para cumprir os meus sonhos e objetivos na vida, sem deixar de prestar atenção ao que realmente importa, família e amigos. Para que no fim das contas, possa dizer que tive uma vida feliz e preenchida, sem arrependimentos.

Photograph, Ed Sheeran
Adoro o Ed e todas as músicas dele, mas esta é especial. Primeiro, tem o vídeo mais querido de sempre e segundo é simplesmente maravilhosa. Realmente não consigo descrever o meu amor por esta música, por isso fiquei apenas com o típico 'gosto porque gosto e pronto'.

Torn, Natalie Imbruglia
Quem é do fim dos anos 90 certamente cresceu a ouvir esta música, que foi lançada em 1997 (meu ano), e, sejamos sinceros, é a única música que conhecemos desta artista australiana. Sempre que a ouço sou transportada para a minha infância e provavelmente é essa a razão pela qual gosto tanto dela, o que lhe garantiu um lugar nesta lista.

Carried Away, Passion Pit
 Não me perguntem como conheci esta música porque não faço a mínima ideia. Na verdade, até faço. Conheci-a num daqueles momentos em que estamos no Youtube, sem nada para fazer e carregamos num vídeo aleatório, e depois noutro, e depois noutro e assim continuamos até percebermos que está algo de muito errado connosco. Sinceramente, a razão pela qual ouvi a música até ao fim foi a história contada pelo vídeo, que está muito bem feito, mas depois o refrão ficou na minha cabeça e aí percebi que realmente gostava da música e da banda.

Won't Go Home Without You, Maroon 5
 Esta foi a primeira música que ouvi deles, sabendo quem eles eram (estava na banda sonora da 6a série dos Morangos com Açúcar, era o tema da Filipa e do Gonçalo e sim eu sei estas coisas) e de alguma forma foi o cartão de apresentação da banda para mim, por isso é que gosto tanto dela.

Yellow, Coldplay
Mais uma música que foi o cartão de apresentação da banda à minha pessoa e que continua a ser uma das minhas músicas preferidas deles e da vida, por isso não podia deixar de estar nesta lista.

Same Old Love, Selena Gomez
Estou a adorar esta nova fase da Selena e esta é a música que mais gosto do novo álbum por isso está aqui a representar todas as outras que não pude escolher. Mas só para que saibam a decisão entre esta e a Hands to Myself foi bastante difícil.

If I Were a Boy, Beyoncé
Fazer uma lista com músicas que adoro e não incluir nada desta diva maravilhosa seria um erro do tamanho do mundo, portanto usei o mesmo critério que usei para tantos outros artistas acima mencionados fui por eliminação. Assim, escolhi a minha música preferida do meu álbum preferido (I Am... Sasha Fierce), e a razão pela qual gosto tanto desta música é a mensagem contida na letra.

All I Ask, Adele
Adoro todas a músicas da Adele e posso afirmar que ouvi-las não me deixa deprimida ou com vontade de chorar. O novo álbum está maravilhoso, com uma sonoridade ligeiramente mais alegre que os outros e esta é a música que mais gosto dele, a par com a When We Were Young. E como curiosidade, caso ainda não saibam, o Bruno Mars (outro artista que adoro) ajudou a escrevê-la.

Estas são algumas das músicas que adoro, quais são as vossas?
Beijinhos e até à próxima.


Sem comentários:

Enviar um comentário